segunda-feira, 7 de julho de 2014

Antibiotics Versus Conservative Surgery for Treating Diabetic Foot Osteomyelitis: A Randomized Comparative Trial

José Luis Lázaro Martınez, Javier Aragón Sánchez, and Esther García-Morales.

Diabetes Care 2014, 37:789-95.
http://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/24130347


Neste ensaio clinico randomizado aberto 52 pacientes com DM e úlceras neuropáticas complicadas por osteomielite foram randomizados para tratamento com antibióticos (ATB; inicialmente empírico com ciprofloxacina 500mg BID, amoxicilina-clavulanato 875/125mg BID ou sulfametoxazol-trimetoprim 800/160mg BID depois modificado de acordo com antibiograma) ou cirurgia conservadora (remoção do osso infectado, sem amputação). Todos foram operados pelo primeiro autor do estudo e receberam tratamento com antibiótico por 10 dias no pós-operatório. Naqueles randomizados para antibióticos, se não houvesse resolução do quadro em 90 dias, era realizada cirurgia. Os desfechos primários foram a taxa de cicatrização (cura) primária e o tempo para cicatrização. Os desfechos secundários foram: necessidade de cirurgia no grupo ATB, necessidade de reintervenção no grupo cirúrgico, taxa de amputação e recorrência, reulceração e óbito durante o seguimento de 12 semanas após a cicatrização. Foram incluídos pacientes com idade > 18 anos, que apresentassem úlceras neuropáticas complicadas por osteomielite e possibilidade de comparecer às consultas de seguimento. Foram excluídos pacientes com infecção grave, infecção de partes moles, necrose, doença arterial periférica, pé de Charcot, hemoglobina glicada >10%, exposição óssea no fundo da úlcera, gravidez, alergia a antibióticos, creatinina elevada, insuficiência hepática e aqueles que não compreenderam o propósito do estudo ou se recusaram a participar. Não houve diferença no tamanho e tempo de duração das úlceras entre os grupos. Dezoito pacientes do grupo ATB (75%) e 19 (86,3%) do grupo cirúrgico tiveram cicatrização (p=0,33). O tempo para cicatrização (mediana) foi de sete semanas no grupo ATB e seis semanas no grupo cirúrgico (p=0,72). Não houve diferenças quanto aos efeitos adversos entre os grupos, assim como na taxa de reulceração após cura. Durante o Clube de Revista, foram discutidos os seguintes aspectos:
  • Foram incluídos apenas pacientes com osteomielite do antepé;
  • Não foi realizada biópsia óssea para confirmação da osteomielite;
  • A amostra do estudo foi pequena, sem cálculo do poder;
  • Houve grande drop out no grupo cirúrgico;
  • A randomização não parece ter sido adequada e pacientes e avaliadores não foram cegados. 
Pílula do Clube: Em pacientes com DM e úlceras neuropáticas complicadas por osteomielite, o tratamento com antibióticos e o tratamento cirúrgico foram semelhantes em relação à taxa de cicatrização, tempo para cicatrização e complicações em longo prazo, mas falhas metodológicas significativas impedem a valorização destes resultados.

Discutido no Clube de Revista de 28/04/2014.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Anabolic Effects of Nandrolone Decanoate in Patients Receiving Dialysis A Randomized Controlled Trial

Kisten L. Johansen, Kathleen Mulligan, Morris Schambelan JAMA 1999, 281(14):1275-81 https://jamanetwork.com/journals/jama/fullarticl...