terça-feira, 22 de outubro de 2013

Comentário do Clube de Revista de 05/08/2013

Cardiovascular Effects of Intensive Lifestyle Intervention in Type 2 Diabetes
The Look AHEAD Research Group

N Engl J Med 2013, 369:145-154.

Neste ensaio clínico randomizado multicêntrico, foi avaliado o efeito do acompanhamento intensivo em mudanças no estilo de vida, com o objetivo de reduzir 7% do peso inicial, em comparação ao suporte e reuniões educativas para pacientes com diabetes tipo 2, entre 45-75 anos e com IMC ≥ 25 kg/m². Como desfecho primário, foi avaliado um composto de morte por causa cardiovascular, IAM não-fatal, AVE não-fatal e hospitalização por angina. O grupo de acompanhamento intensivo (2.570 pacientes) recebeu aconselhamento com encontros semanais nos primeiros seis meses, sendo um individual. Até completar 1 ano, reduzia-se para três encontros mensais, e após, um contato por mês. O grupo controle (2.575 pacientes) realizou três reuniões anuais com orientações diversas até o quarto ano. Ajustes das medicações eram feitas pelos médicos assistentes, sem interferência dos pesquisadores. O grupo intervenção apresentou redução de peso de 8,6% no primeiro ano e 6,5% com 9,6 anos de seguimento. O grupo controle apresentou redução de 0,7% e 3,5%, respectivamente, no mesmo período. No primeiro ano, houve melhor controle da HbA1C e de outros fatores de risco cardiovasculares, exceto LDL-colesterol no grupo intensivo. No final do seguimento, as diferenças entre os grupos diminuíram. O uso de anti-hipertensivos, estatinas e insulina foi menor no grupo intensivo. Ocorreu o desfecho combinado no grupo intensivo em 403 vs. 418 pacientes no controle, HR 0,95 (IC 95% 0,83-1,09). Quanto aos componentes isolados do desfecho combinado e de possíveis efeitos adversos, não houve diferença entre os grupos. Durante o Clube de Revista, os seguintes pontos foram discutidos:

  • O grupo controle, por motivos éticos, também recebeu orientações sobre mudança de estilo de vida, o que, embora tenha sido menos intensivo, o tornou muito parecido ao grupo intervenção;
  • A intervenção propriamente dita durou 1 ano, e muitos de seus efeitos sobre desfechos intermediários se perderam no seguimento de 9,6 anos, podendo esta ser uma das causas da ausência de efeito da mesma;
  • O grupo intervenção recebeu menos medicamentos que sabidamente se relacionam à redução de desfechos cardiovasculares.



Pílula do clube: A intervenção intensiva no estilo de vida, em comparação à mesma intervenção não intensificada não se mostrou efetiva em reduzir mortalidade e morbidade cardiovascular entre pacientes com DM tipo 2 e sobrepeso ou obesidade. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Anabolic Effects of Nandrolone Decanoate in Patients Receiving Dialysis A Randomized Controlled Trial

Kisten L. Johansen, Kathleen Mulligan, Morris Schambelan JAMA 1999, 281(14):1275-81 https://jamanetwork.com/journals/jama/fullarticl...