sexta-feira, 8 de junho de 2012

Comentário do Clube de Revista de 21/05/2012


Reduction in Weight and Cardiovascular Disease Risk Factors in Individuals With Type 2 Diabetes
The Look AHEAD Research Group


Diabetes Care 2007; 30:1374-1383.

            Neste ensaio clínico randomizado, foi avaliada a eficácia de uma estratégia intensiva no manejo de pacientes com DM tipo 2 com sobrepeso e obesidade. Para isso, foram analisados dados de 5145 pacientes randomizados para dois grupos: estratégia padrão (orientações do período de run-in e 3 consultas ao longo de um ano, n=2570) e estratégia intensiva (orientações do período de run-in e 175 minutos semanais de exercícios físicos, além de intervenções nutricionais visando perda de 7% do peso corporal; n=2575). Todos os pacientes receberam educação em diabetes e orientações sobre dieta e realização de exercícios físicos (período de run-in). Não houve cegamento durante o estudo e o seguimento foi de 1 ano. O desfecho de interesse foi a eficácia da intervenção sobre o controle da glicemia, pressão arterial, dislipidemia, além de ser uma análise feasibility do estudo Look Ahead – visando uma diferença mínima de 5% de perda ponderal entre os grupos, o que justificaria a manutenção do estudo em longo prazo com avaliação de desfechos cardiovasculares. O grupo de estratégia intensiva apresentou melhor controle glicêmico, pressórico e maior redução na prevalência de síndrome metabólica, sem apresentar redução do colesterol LDL. A estratégia intensiva foi mais eficaz que o tratamento padrão para perda de pelo menos 7% no peso corporal (55% vs. 7%, respectivamente). Durante o Clube de Revista, os seguintes pontos foram discutidos:
  • Destaca-se o peso médio basal dos pacientes, sendo o IMC médio 36, apesar de o critério de inclusão ser IMC > 25 (> 27 se em uso de insulina);
  • Trata-se de uma população extremamente selecionada (mais de 25 mil pacientes rastreados, apenas 5145 randomizados), sendo os pacientes randomizados provavelmente os mais motivados para submeterem-se as intervenções, limitando a generalização dos resultados;
  • A estratégia proposta parece cara e de difícil aplicação na prática clínica, tendo sido oferecidos pelo estudo: consultas mensais, grupos semanais, alimentos para substituição de refeições (congelados e shakes), orlistate e academias para realização de exercícios físicos sob orientação;
  • Como pontos positivos destacam-se a avaliação de uma população heterogêna, incluindo diversas minorias, e as poucas perdas (< 5% em ambos os grupos);
  •  Os resultados apresentados são de desfechos intermediários, sendo necessário o término do estudo com as análises dos desfechos duros para esclarecimento da utilidade desta estratégia;

Pílula do Clube: Este estudo sugere que intervenção intensificada em medidas de estilo de vida é útil em curto prazo para manejo do DM tipo 2 e das condições associadas (HAS e dislipidemia), entretanto ainda é necessário aguardar os resultados sobre eventos cardiovasculares a longo prazo para avaliar a real utilidade desta estratégia (cara e de difícil aplicação). 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ultrasonographic and clinical parameters for early differentiation between precocious puberty and premature thelarche

Liat de Vries, Gadi Horev, Michael Schwartz, and Moshe Phillip European Journal of Endocrinology 2006, 154:891–898 ht...